segunda-feira, 20 de junho de 2016

A gente se aperta num abraço!





Hoje preciso exteriorizar os sentimentos mais agradecidos a todos os meus queridos. Mas a prioridade é o agradecimento que devo a Esse Ser Superior que me premiou com algo muito desagradável à minha saúde...  para, então, me mostrar o grande amor de que sou alvo.

Será que este coração tem força para aguentar tanto amor? Sim! Eu penso que sim, pois ele quis que eu presenciasse, aos 95 anos, algo para ainda acreditar na existência:  entre nós há pessoas solidárias. 

Meus queridos: não desacreditem na humanidade! Saibam que ainda existe muita gente entre nós que distribui amor, generosidade e compreensão – sem esperar nada em troca.

Atentas às boas causas, a projetos de vida realmente gratificantes, ao próximo e suas necessidades mais urgentes. Eu estou descobrindo, felizmente, que esse socorro aparece entre nós com muita frequência: seja através de ajuda material, seja na ajuda espiritual.

Neste mês de temperaturas tão frias, vamos nos aquecer  com o calor do nosso próprio coração, distribuindo-nos ao nosso semelhante.

Porque o que há de melhor no mundo ainda é o amor, amor e amor.

Até nossa próxima conversa!

Beijos (e abraços)  da Nida




NIDA DEL GUERRA FERIOLI (94) é Conciliadora e Mediadora de Conflitos (formada em 2014); 
Professora de italiano; Autora do livro “Vivendo a Vida”. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário