segunda-feira, 23 de novembro de 2015

bukowski dentro do vórtice de aden


Impressões do livro
Dentro de um Bukowski, de Aden Leonardo
por Caetano Lagrasta



o livro de Aden Leonardo “dentro de bukowski” (Ed. Scenarium, 2015) tem o melhor do fenômeno (?) “vórtice do golfo de aden” (quer saber mais sobre o que lá ocorre de discos voadores e outras charlatanices perigosas como movimentos de defesa mundial? entre no google, sem despesas para você, mas com sérias dúvidas sobre o teor da informação).

como lembra Aden, na voz do velho buk: “o indivíduo bem equilibrado é insano...”

e, como pensar é só pensar, que tal esta página 51?:

“Há algum motivo secreto indefinido do porquê dos voos matinais das aves. São tão rasantes nas manhãs. À tarde já parecem carregadas de tempo passado, por isso cantam”.

em seu vórtice Aden é miríade:

é moça que escala himalaias de mg e rj na busca incessante de pequeníssimas felicidades escondidas em montanhas menores;

é moça que engole choro e derrama extensos vales de flores naquilo que vive de mais doloroso num gozo;

impropério definitivo para o condenado preso que xinga e esbraveja: AMOR!

Aden tem um vórtice de mistério de secura de timidez
que ao ver a foto do seu livro no lançamento do qual se escondeu,
exclama: ói eu aí.

e lança aos ventos:

“... sonhei com você”

sem desmerecer pelotão de fuzilamento.

Aden Aden Aden
onde estás
que não te encontro
em que precipício
em que grota
tu te escondes
a tecer com palavras riscos de bordado sem fim?

para ao fim e ao cabo
gritar na 67 e seguinte:

“Flor-se...

Desfolhou-se no meu livro...
e com um ponto final
a última página disse:

guarde-se...”

mais é preciso?




caetano lagrasta –  23 de novembro/2015

3 comentários:

  1. Ora Caetano! Agora, por hora... tornei-me guerra de palavras, num Iêmen desnorteado. Uma bomba azul de golfos arábicos! Imensamente grata, pelas águas que me navegou e traduziu com seu olhar um profundo em que eu mesma só tocava pelos cascos de um navio mergulhador... primário!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. seu livro é oportunidade para libertação e muito que pensar;
      mais, não é preciso.
      parabéns e sucesso

      Excluir
  2. Que comovente encontrar um leitor-escritor tão perspicaz! Caetano Lagrasta, parabéns! A Aden o que é de Aden!

    ResponderExcluir